Cabo Verde vai receber investimento direto externo no valor de 250 milhões de euros

Escrito por Editor JSN . Publicado em Economia e Negócios

Dentro de seis meses a um ano dever-se-à arrancar as obras do projeto turístico integrado do ilhéu de Santa Maria e da Gamboa, na cidade Praia

 

Para a implementação deste projeto que se considera de grande envergadura e importante para o setor turístico no país, encontra-se em Macau a ministra do Turismo, Indústria e Energia, Leonesa Fortes, para a assinatura, esta quarta-feira (22), dos instrumentos contratuais com o grupo David Chow.

Na opinião da ministra este será o maior projeto de investimento direto externo do país e de um investidor de Macau em África e que irá melhorar a oferta turística na capital e trazer novos nichos de mercado, permitindo catapultar consideravelmente a capacidade hoteleira para novos patamares em todo o país.

Segundo a governante, perspetiva-se criar com este projeto cerca de mil postos de trabalho. Além disso, diz: “contamos que além de dinamizar a oferta de emprego, irá também dinamizar outras atividades económicas o que vai permitir arrastar outros setores nesse domínio. Portanto, pela sua envergadura contamos que seja um projeto catalisador para outras iniciativas económicas”, assegura confiante a ministra.

A edificação do Resort no ilhéu de Santa Maria e na Gamboa cujo investimento ronda os 25 milhões de euros, inclui a construção de uma cidade cultural e de jogos que contará com: centro de conferências, hotel casino, uma marina turística e atividades de apoio, um centro de congressos, infra estruturas hoteleiras e residenciais.

Adiantou a tutelar do Turismo que neste sábado será partilhado com os cabo-verdianos todos os pormenores do projeto turístico integrado do ilhéu de Santa Maria e da Gamboa - na Praia - na presença do promotor David Chow.

 

 

HTM

 

 

 

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Edição em papel

Brevemente disponível
para download em PDF
(Gratuito)