Governo refuta acusações de má gestão do “Casa para Todos”

Escrito por Editor JSN . Publicado em Economia e Negócios

O Ministro do Ambiente, Habitação e Ordenamento do Território, Antero Veiga,refutou as acusações de má gestão acusadas pelo MpD sobre o programa “Casa para Todos”

 


Em entrevista a TCVAntero Veiga reagia às afirmações feitas pelo vice Presidente do MpD de que o Governo deve mais de 1,5 milhões de contos às empresas construtoras e subempreiteiras, mas adianta que existem faturas pendentes para desembolsos em Portugal, financiador da linha de crédito que sustenta o "Casa para Todos".

De acordo com o Governo, existe muita má fé do MpD em relação ao “Casa para Todos”. Segundo o governante, todas as dívidas do Executivo para com as empresas nacionais foram saldadas e a IFH-Imobiliária, Fundiária e Habitat neste momento não “deve um centavo” aos consórcios que executam este programa.

O Ministro garante que o Governo fez a sua parte, ou seja, saldou todas as suas dívidas. “Neste momento há facturas em Portugal para desembolsos na ordem de 1.9 milhões de contos, que tem a ver com a linha de crédito. A parte cabo-verdiana já fez o que tinha para fazer. Quando recebi a delegação do MpD em Junho dei todas as garantias de que a resolução do problema do lado de Cabo Verde seria em breve. E isso foi feito”.

O ministro pediu cautela, visto que a situação envolve dois países amigos pelo que “é preciso ter uma certa diplomacia” para resolver este assunto, adianta a mesma fonte.

 

 

 

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Edição em papel

Brevemente disponível
para download em PDF
(Gratuito)