Empresários e Consultores da CEDEAO analisam situação económica do país

Escrito por Editor JSN . Publicado em Economia e Negócios

De 20 a 26 de agosto, uma missão de avaliação da Tarifa Externa Comum (TEC), composta por dois consultores reúnem-se com empresários cabo-verdianos, para analisar a situação económica de Cabo Verde, numa altura em que o país está a preparar os procedimentos internos para a sua aplicação efetiva

 


Estabelecer uma união aduaneira, política tarifária comum e remover todos os direitos aduaneiros, taxas de fronteiras e barreiras não-tarifárias, como quotas e proibições sobre o comércio intra-CEDEAO, são alguns objetivos da Tarifa Externa Comum (TEC) dos países membros da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), informa o Avoz.

Tudo para facilitar a vida dos empresários e para alavancar as relações económicas entre os estados membros da comunidade.

O encontro é organizado pela Câmara de Comércio Indústria e Serviços de Sotavento, onde irão abordar assuntos relacionados com o Comércio Intracomunitário, de entre outras questões de interesse económico e comercial.

È de realçar que a TEC-CEDEAO foi adoptada pelos Ministros das Finanças da CEDEAO, em Março de 2013 ,e entrou em vigor em Cabo Verde a 1 de Janeiro de 2015.

 

 

 

 

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Edição em papel

Brevemente disponível
para download em PDF
(Gratuito)