Papa apela ao fim da violência na Ucrânia

Escrito por Editor JSN . Publicado em Mundo

Nas últimas horas, dezenas de civis foram mortos ou feridos que foram registados nas regiões de Donetsk e Luhansk


De acordo com a Rádio Vaticana, o papa Francisco diz que mais uma vez, o seu pensamento vai para o povo ucraniano, "infelizmente, a situação está a piorar e agrava-se a contraposição entre as partes. Rezemos, antes de tudo, pelas vítimas, entre as quais inúmeros civis, e pelas suas famílias e peçamos ao Senhor que cesse o quanto antes esta horrível violência fratricida”.

“Quando ouço as palavras: vitória e derrota, sinto uma grande dor e uma grande tristeza. Não são as palavras justas. A única palavra justa é paz. É uma guerra entre cristãos, todos com o mesmo baptismo", sublinha o mais alto potifice.

A ONU também já se pronunciou e classificou com “catastrófica” a violência que se faz sentir no leste daquele país. Nas últimas horas, dezenas de civis foram mortos ou feridos. As mortes têm aumentado nestes últimos tempos devido ao agravamento da ofensiva dos rebeldes.

Cerca de cinco mil pessoas já morreram e 12.000 ficaram feridas devido aos confrontos ali registados.

 

 

 

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Edição em papel

Brevemente disponível
para download em PDF
(Gratuito)