Papa leva 12 refugiados sírios para o Vaticano

Escrito por Editor JSN . Publicado em Mundo

Três famílias de refugiados sírios embarcaram no avião que vai levar o papa Francisco de regresso ao Vaticano depois de uma visita à ilha grega de Lesbos. A informação foi avançada pelo Vaticano

 

 

 

"O papa quis ter um gesto de acolhimento para os refugiados", levando no avião para Roma "três famílias de refugiados da Síria, 12 pessoas no total, incluindo seis crianças", informou o Vaticano num comunicado.


Segundo a agência Lusa, as famílias são de confissão muçulmana, duas oriundas de Damasco e outra de Deir Ezzor, cidade síria localizada nos territórios controlados pelo grupo extremista Estado Islâmico.


Os ’media’ italianos, informam que os refugiados, vão ser acolhidos pela comunidade de Santo Egídio.


Nesta sua visita, o Papa Francisco fez-se acompanhar (de quem partiu o apelo) pelo patriarca Bartolomeu de Constantinopla e pelo arcebispo Ieronymos de Atenas, dando assim uma dimensão ecuménica à sua deslocação, na qual contactou de perto com os refugiados a quem repetiu: “não percam a esperança”, enquanto vincou a importância de se achar uma solução para a crise.

 

 

 

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Edição em papel

Brevemente disponível
para download em PDF
(Gratuito)