Mais de seis mil pessoas salvas no Mediterrâneo num só dia

Escrito por Editor JSN . Publicado em Mundo

Cerca de 6500 migrantes foram resgatados no Mar Mediterrâneo em várias operações nesta segunda-feira, 29 de agosto. Trata-se de um dos maiores números de pessoas que tentam chegar à Europa salvas em apenas um dia

 

 

De acordo com a guarda costeira italiana, foram realizadas mais de 40 operações ao largo da costa da Líbia para resgatar milhares de pessoas, na sua maioria de origem africana.

A Líbia tornou-se num dos pontos de saída de embarcações de refugiados com destino à Europa mais privilegiados pelos traficantes que organizam as travessias, escreve o público.

As missões de salvamento ocorreram a cerca de 20 quilómetros da cidade líbia de Sabratha e, para além de envolveram embarcações italianas, foram realizadas pela agência europeia de controlo de fronteiras (Frontex) e pelas organizações Proactiva Open Arms e Médicos Sem Fronteiras.

Os migrantes, cuja maioria será proveniente da Eritreia e Somália, estavam em pequenas embarcações de borracha, com combustível suficiente apenas para aguardar pela chegada de equipas de salvamento, totalmente lotadas e algumas das pessoas levavam crianças nos braços, lê-se na mesma fonte.

Segundo os dados da Organização Internacional das Migrações (OIM), desde o início do ano que mais de 283 mil pessoas chegaram à Europa por terra e mar, enquanto 2901 morreram no Mediterrâneo.

 

 

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Edição em papel

Brevemente disponível
para download em PDF
(Gratuito)