INFÂNCIA ROUBADA: 83 crianças mortas em janeiro - UNICEF

Escrito por Editor JSN . Publicado em Mundo

Janeiro foi um mês “sangrento” para “milhões de crianças” no médio oriente e no norte de África, cuja infância foi-lhes roubada. A denuncia é da organização da ONU para a infância, UNICEF

 



Os conflitos e ataques ocorridos em países do médio oriente e no norte de África saldaram em, pelo menos, 83 mortes de crianças num único mês de janeiro.


A UNICEF fala em infância roubada sobretudo em países como Iraque, Líbia, Síria, Palestina e no Iémen onde a “intensificação da violência” acabou por ter “consequências devastadoras” para a vida das crianças.


“Só no mês de janeiro, pelo menos 83 crianças foram mortas em conflitos em curso, em ataques suicidas ou morreram de frio ao fugir de zonas de guerra”, acrescenta a organização para quem são as crianças quem pagam o preço “mais alto” das guerras pelas quais não são responsáveis.


A Síria é quem lidera este ranking onde nas últimas quatro semanas 59 crianças foram mortas.


“Não são centenas, nem milhares, mas milhões de crianças no médio oriente e no norte de África a quem roubaram a infância, que foram mutiladas, traumatizadas, presas, impedidas de ir à escola e privadas do direito mais básico, de brincar”, sublinha um comunicado da UNICEF.

 

 

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Edição em papel

Brevemente disponível
para download em PDF
(Gratuito)