RTCI de São Nicolau ou da Ribeira Brava?

. Publicado em Opinião

Há muito que esta questão me inquieta e partilho-a agora que mais uma vez fomos esquecidos pelos Mídias públicos

 

 

Ora, com pompas e circunstâncias foi inaugurada a representação da RTCI (rádio, televisão e inforpress) na ilha de São Nicolau. Por razões óbvias, a referida representação ficou estabelecida na Ribeira Brava mas com a promessa de que ela seria para toda a ilha e não apenas ao concelho da Ribeira Brava.

Sucede, entretanto, que as notícias que continuam a ecoar são quase sempre (e como que exclusivamente) da Ribeira Brava, e o município do Tarrafal vai ficando de lado, no que mais parece uma negligência propositada.

Cinjo-me no concreto à visita do Cardeal Dom Arlindo Furtado ao Tarrafal e à paróquia de São Francisco de Assis. Não se viu, não se ouviu e parece-me também que não se leu absolutamente nada nos órgãos públicos de comunicação social.

Será que tão ilustre visita a um concelho tradicionalmente cristão-católico, de uma figura tão querida e estimada pelo povo, não merece tratamento jornalístico ou será apenas porque a visita é ao Tarrafal?

Pessoalmente continuo a questionar esta ausência ainda que possa a vir haver explicações do foro “estritamente do interesse da notícia” mas não compreendo estas sucessivas discriminações que o Tarrafal e suas gentes continuam a ter da parte da RTCI.

Continuamos fora das emissões seja nas tardes desportivas, seja nas reportagens, seja nos noticiários, fora em quase tudo.

Continuamos igual ao tempo em que a ilha tinha um único correspondente (sempre na Ribeira Brava) e destes lados qualquer coisa, qualquer coisa mesmo, só e tão-somente no pulsar…

Será que servimos apenas para pagar impostos à RTCI e nada mais?

 

Alírio Cabral Gomes | Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

 

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar